Author:
• segunda-feira, dezembro 22nd, 2014

Vagueio apenas… perambulo pelas ruas
vazias em busca do não sei onde…
encho-me de esperanças pelo sonho
que tive…

Vivi o sonho da não esperança…

Vagueio simplesmente…
se espero, se desespero…

Já nem sei de mim…
se vou, se fico… se parto enfim…
se sorrio… se desejo… se penso…

Apenas quero… sou assim…
mulher sem princípio e sem fim…
mulher andarilha…
mulher sem destino…
mulher só… sem semente…
sem adubo…
flor que sorri… mulher que vaza…
sem ti!…

Category: Poetisas  | Tags:
You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.