Author:
• quarta-feira, dezembro 24th, 2014

Não são teus olhos cheios de um amor profundo
Que misturam candor com um quê de mistério.

Por teus olhos, qualquer homem deste Mundo
Daria com prazer o Mais Poderoso Império !
também não são teus seios imponentes,
Maravilhas inigualáveis, esculturais,
Expostos como dois promontórios insolentes,
Promessas arfantes de prazeres sensuais !

Nem é também aquela maravilha tão desejada,
Vistosa, peludinha . . .tão deliciosa como o Sapoti !
Altar do amor. . .De mil delícias a entrada,
Uma das mil razões de minha Paixão por Ti ! !

O que adoro em ti é a tua Alma sem defeitos,
Pura como o sorriso de uma criança,
Alheia ao Mundo, alheia aos preconceitos,

Rica de crenças, Cheia de Esperança !!!

Category: Eloy Franco, Poetas  | Tags:
You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.