Author:
• sexta-feira, setembro 11th, 2015

É a razão de viver;
É beber pra esquecer;
É jamais esmorecer;
É ao amor socorrer;
É nunca subentender;
É sufocar de prazer
É correr para escrever;
É brincar de sofrer;
É mudar sem perceber;
É mais forte que você;
É o sol a entardecer;
É pimenta a arder;
É te ver e te que querer;
É amar sem padecer;
É transar pra se aquecer;
É gozar e falecer;
A paixão é você.

Category: Poetas, Robson Felix  | Tags:
You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.