Author:
• terça-feira, novembro 24th, 2015

Aquele beijo roubado
Que um dia de mim levou
Em minha boca marcou
Um sentimento de amor.
Mas esse beijo enganou
Por uma vida a fio
E levando pensando existir
Um amor que nunca floriu.
E tudo não passou de paixão
Que com o tempo extinguiu
Mas o beijo não esqueci
Por tempos na memória ficou,
Somente por ter me roubado
Um beijo que nunca foi seu.

Neuza Maria De Barros
12/01/2015

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.