Author:
• segunda-feira, junho 13th, 2016

Estou, estás, estaremos
Sempre em mutações
Se não és aquilo que queres
Poderás ser, se transformando.

Amando o que te contém
Almejando ao que te convém
Vivendo a metamorfose
Sem resignações indo além.

Na verdade nada somos
Além de nossas intenções
Que vivificadas se manifestam
A ser além do que expressamos.

Ouso dizer que não sou
Escolho dizer que estou,
Se amanhã não estarei tal e qual hoje
Sempre me transformando
Em buscas de totalmente ser.

Neuza Maria De Barros
23/02/2016

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comments are closed.