Archive for the Category ◊ Mariana Bastos ◊

Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

images8

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

Abraçar-te forte, deitada na areia,
Ter-te sobre mim, sedento de amor,
Sorver o teu beijo, que me incendeia,
Abrir-me em desejo, sem nenhum pudor…
Celebrar teu íntimo a me desvendar,
A me possuir, em carícias tamanhas,
Sob o testemunho de um doce luar,
Sou de ti completa, até às entranhas…

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

Amo as manhãs de brisa primaveril
E amo as tardes solitárias de abril,
Quando o outono espalha folhas pelo ar…
Amo as noites calorosas de verão
E as geladas madrugadas, quando então,
Tu me aqueces de tanto me afagar…

Amo acolher-te em meu leito, ansioso,
Homem-menino, de carinhos desejoso,
Amante-mel, razão maior de meu viver…
Amo ceder-te, em minhas íntimas loucuras,
O que melhor de mim sei que procuras,
Amo demais me dar – e a ti satisfazer…

Mas se não vens, se tu te vais, me vejo enfim
Meio sem rumo, meio até fora de mim,
E ainda assim, eu sou feliz, fico a sonhar…
Porque, Amado, amar em si é alegria,
Eu amo o sonho, a saudade, a nostalgia,
E amo você, amo a vida…e eu amo amar!

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

Quando escrevo, eu me excito
Só, de amor, pensar em ti…
Sinto as entranhas ardendo,
Vou com prazer remoendo
O que contigo vivi.

Ondas de calor me afagam,
Sofro a dor dos desejos.
E cada verso transpira
A excitação que me inspira
A buscar mais por teus beijos.

Cada poema que faço
É como amor fazer:
Tomar-te em mim, amado,
Sentir teu corpo adorado
Penetrando em meu querer…

Rolam as letras que traço
Como rolamos nós dois…
E permanecem mostrando,
Nosso prazer expressando
Antes, durante… e depois…

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

Costuma-se muito dizer
Que o melhor mesmo da festa
É a gente esperar por ela…

Eu ando assim, meu amor:
O desejo aumentando…
Suspiros e devaneios,
Arfante roçar de seios,
Meu corpo está te chamando…

Percebo, dia após dia,
Que me desejas também.
E, enquanto não chega a hora,
Eu sonho, tal como agora,
Que desta vez você vem.

Que gosto terá teu beijo?
Um sabor de ambrosia
É o que estou imaginando,
Mas só saberei sugando
A tua boca macia…

Que aroma terá teu corpo?
Perfume de sedução…
Quero cheirá-lo inteirinho,
Saboreá-lo todinho,
Explodindo de paixão…

Nesta espera alucinada
Por tão ansiada festa,
Prazeres que tanto quero,
Em meu desejo sincero,
Aguardar é o que me resta.

Quero entregar-me inteira,
Com total insensatez,
Deixar-te me devorar,
E alucinadamente gozar
A nossa primeira vez…

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

Penso em ti, amado, ao me despertar,
Se estás tão longe, sem poder trocar
Os nossos prazeres, nosso amor febril…
Fico na saudade, fico a perigo,
Ansiosa estou por me encontrar contigo
Desfrutar teu corpo, másculo, viril…

Tens cada minuto do meu pensamento,
Dedicado apenas a este sentimento
De desejo puro, de saudade louca…
Vem matar-me a fome, saciar o anseio,
Abraçar-me forte, vem beijar meu seio,
Vem tocar-me toda com a tua boca…

Meu tudo és tu, meu doce amado,
Amante latino, homem adorado,
É em teu louvor que eu canto aqui…
Este meu desejo, face à distância,
Acelera o sangue e aumenta a ânsia
Que me excita mais, por pensar em ti…

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off
Author:
• terça-feira, dezembro 23rd, 2014

A mesma sede de prazer,
O mesmo afã de bem-querer,
A mesma ânsia de viver,
Corpos ardentes a gemer,
Êxtases de enlouquecer…

Somos dois seres tão unidos
Que parecem ser só um…
É, pois, impossível negar:
Temos muito em comum!…

Category: Mariana Bastos, Poetas/Poetisas Consagrados  | Tags:  | Comments off