Archive for the Category ◊ Eloy Franco ◊

Author:
• quarta-feira, dezembro 24th, 2014

eloy

Category: Eloy Franco, Home, Poetas  | Tags:  | Comments off
Author:
• quarta-feira, dezembro 24th, 2014

Não são teus olhos cheios de um amor profundo
Que misturam candor com um quê de mistério.

Por teus olhos, qualquer homem deste Mundo
Daria com prazer o Mais Poderoso Império !
também não são teus seios imponentes,
Maravilhas inigualáveis, esculturais,
Expostos como dois promontórios insolentes,
Promessas arfantes de prazeres sensuais !

Nem é também aquela maravilha tão desejada,
Vistosa, peludinha . . .tão deliciosa como o Sapoti !
Altar do amor. . .De mil delícias a entrada,
Uma das mil razões de minha Paixão por Ti ! !

O que adoro em ti é a tua Alma sem defeitos,
Pura como o sorriso de uma criança,
Alheia ao Mundo, alheia aos preconceitos,

Rica de crenças, Cheia de Esperança !!!

Category: Eloy Franco, Home, Poetas  | Tags:  | Comments off
Author:
• quarta-feira, dezembro 24th, 2014

Um lindo amor, entre nós nasceu,
Sua Alma você, com avidez me deu.
Encontro que trouxe um feliz ensejo
De eterna delícia e sublime desejo. . .

Um lindo amor, muito bem cuidado
Não vai virar em um triste passado!
Bendigo contrito nossa união Divinal
E a beijo assim com um amor sensual,
Pois amor como o seu não tem outro igual…

Category: Eloy Franco, Home, Poetas  | Tags:  | Comments off
Author:
• quarta-feira, dezembro 24th, 2014

Deus está pedindo estrita conta do meu tempo
E é preciso do tempo já dar conta.

Mas, como dar sem tempo tanta conta ?
Eu, que perdi sem conta tanto tempo ?
Para ter minha conta feito a tempo
Dado me foi bom tempo e não fiz conta.

Não quis, sobrando tempo fazer alguma conta.
Quero agora fazer conta e não tenho mais tempo.
Oh ! vos que tendes tempo sem conta
Não passeis vosso tempo ignorando vossa conta.
Cuidai, enquanto há tempo, de fazer conta.

Se aqueles que contam com tempo sem conta,
Fizessem desse tempo alguma conta,
Não chorariam agora por não terem mais tempo!!

Category: Eloy Franco, Home, Poetas  | Tags:  | Comments off